PRODECOM -Projeto de Desenvolvimento Comunitário do Conjunto Ceará

PRODECOM -Projeto de Desenvolvimento Comunitário do Conjunto Ceará

CRIAÇÃO DO PRODECOM

O Prodecom é uma Associação Civil, criada em 1987, por protagonistas do movimento cultural e social do Conjunto Ceará participantes de diferentes manifestações culturais e comunitárias do bairro, que buscavam, através da organização, uma interação gradativa de todos os seguimentos, expandindo os seus conhecimentos culturais, sociais e costumes, estabelecendo um diálogo com a comunidade fomentada pelo convívio, conhecimentos e práticas.

Ao longo dos seus 30 anos de existência, vem trilhando um caminho de persistência no implemento de ações voltadas para a cultura, em uma região que sofre a ausência de políticas afirmativas voltadas para a inclusão de parcela da população com baixíssimos índices de IDH, que mora na região sudoeste de Fortaleza.

CENTRO CULTURAL

Ao longo da trajetória da organização, uma das metas da instituição foi a implementação da Construção de um Centro Cultural na periferia da Cidade de Fortaleza. Sem a amparo direto de recursos públicos e tendo a perseverança como ferramenta.

Não obstante inconcluso, hoje parte do Centro Cultural já está em funcionamento no Polo de Lazer do Conjunto Ceará, em um espaço de 1.500m², com Teatro Auditório com possibilidade para 300 pessoas, Sala de Leitura, três salas para reuniões, cursos e oficinas e espaço para outros eventos, onde são desenvolvidas ações sociais na área da cultura, controle social, organização comunitária e estímulo ao empreendedorismo cultural. Sendo um dos poucos ou único da região sudoeste de Fortaleza, criado por iniciativa da própria comunidade.

ÁREA DE ABRANGÊNCIA

O Conjunto Ceará, com uma população de mais de 40.000 habitantes, oferece mais de 14.000 vagas em suas escolas públicas, a maioria dos alunos oriundos das comunidades vizinhas, que não só aparecem para estudar, mas também para participarem de todos os eventos que o bairro oferece, ou seja, o Conjunto Ceará é um polo aglutinador da região sudoeste de Fortaleza, sendo o local ideal para se alcançar crianças e adolescentes oriundos dos bairros: Granja Portugal, Granja Lisboa, Bom Jardim, Henrique Jorge, Bonsucesso, Genibaú, São Miguel, favelas como Moçambique e Beira Rio, bem como o Distrito da Jurema e o bairro Parque Albano do município de Caucaia, muitos dessas comunidades com os piores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) de Fortaleza e do município de Caucaia. Esse fenômeno ampliou sua área de influência para uma população de 300.000 habitantes.

INCLUSÃO SOCIAL

Para contribuir com a estratégia de inclusão social através da Cultura, no Centro Cultural do PRODECOM, não obstante ainda em estruturação, são ministrados cursos regulares de dança, música e artes cênicas destinados, preferencialmente, aos alunos das escolas públicas do bairro, principalmente na faixa dos 7 aos 14 anos de idade, sendo que mais de 750 já receberam certificação nos últimos anos. Além dos cursos regulares e oficinas, é oferecida uma grade de programação para eventos culturais de outros produtores, que possibilita o desenvolvimento de ações culturais sustentadas pelos princípios da autonomia, do protagonismo e do emponderamento social, integrando uma gestão compartilhada e transformadora.

Todas as atividades desenvolvidas são gratuitas. O projeto tem como meta atender os diferentes segmentos socioeconômicos do bairro e comunidades vizinhas, promovendo, em todas as suas ações, uma real democratização da cultura.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *